O Starburst da M82

08-09-2011 17:36

  

  Essa magnífica galáxia possui muito mais que apenas beleza. Principalmente quando olhamos esse material que está sendo expelido por ela. Ao contrário de que muita gente acha, não são quasares ou jatos do buraco negro. O fato é que a M82 está passando por uma fase chamada de Starburst. Uma galáxia em Starburst possui um material bem mais energético e denso, com isso ela passa por um momento de elevadíssimas produções estelares. Com esses fatores, o nascimento de Hipergigantes massivas é só uma questão de tempo.! Logo criam-se enormes aglomerados onde essas estrelas irão enviar uma enorme quantidade de energia aquecendo e energizando a galáxia inteira.! E com isso essa pequena galáxia produz uma luminosidade e uma radiação tão elevada para nós. M82 está assim devido ao encontro que ela teve com sua companheira a, aproximadamente, 100 milhões de anos atrás. Por sua companheira sem bem maior, as enormes forças da maré criadas por ela interagiram na galáxia criando o Starburst. Na M82 a criação de estrelas é 10 vezes mais acelerada que em galáxias comuns, como a Via Láctea.! Na foto do início do post, percebemos uma nuvem avermelhada que está nos pólos da galáxia. Aquilo é erroneamente confundido com um quasar. Na verdade, essa nuvem é provocada pela intensa radiação que sai da galáxia, aquecendo e ionizando o gás que a orbita em braços mais periféricos. Essa radiação vem da enorme atividade estelar, bem como supernovas e ventos solares de enormes estrelas. Na imagem abaixo você consegue ver o quão essa radiação afeta esse gás e o quão ele está além do limite que imaginamos. A imagem mostra somente a corrente de Raios-X :



  M82 é uma galáxia pequena tendo apenas um dez avos do diâmetro da Via Láctea mas estando a, apenas, 12 milhões de anos luz de nós. Atualmente ela é a galáxia com um Starburst mais agitado e violento já conhecido. E por estar perto, ajuda, e muito, aos astrônomos estudarem como isso acontece em galáxias de um porte maior, já que antes estudávamos pela galáxia-anã NGC 1569, nossa vizinha. Alguns dados são interessantes como, por exemplo: Em 2005, o Telescópio Espacial Hubble revelou 197 aglomerados massivos e jovens no interior da galáxia.! Isso demonstra a intensa atividade do Starburst na região.!

  Agora a M82 possui um segredo que fora revelado em 2010. Mais precisamente em abril de 2010, quando ondas de rádio foram detectadas saindo da galáxia. A intensidade das ondas não se compara com nada já visto antes, o que deixou os astrônomos totalmente confusos. Ao que se imaginava, seria um microquasar com intensidades e propriedades diferentes. Chegaram a essa conclusão depois de constatarem que a fonte também era muito luminosa e estável. Mas em microquasares existe a liberação de raios-x, coisa que no objeto não ocorria. Além disso, o objeto desconhecido está bem perto do centro da galáxia e se movimenta 4 vezes mais rápido que a galáxia.!



Fontes: en.wikipedia.org
           spacetelescope.org
           herschel.cf.ac.uk
           esa.int
 

Comentários

Não foram encontrados comentários.

Novo comentário